211 164 221
Dias úteis: 9:00 - 18:00
EN
portugal

Covid-19 | Medidas COSEC para apoiar a tesouraria das empresas

Lisboa, 20 de março de 2020 –  A COSEC está a acompanhar de perto a evolução da situação económica nacional e mundial originada pelo Coronavírus Covid-19, tendo decidido adotar um conjunto de medidas extraordinárias para apoiar a tesouraria das empresas e assegurar o bom funcionamento do seguro. Estas medidas serão aplicadas até ao final do mês de abril, podendo ser prorrogadas:

  • Antecipação do pagamento de indemnizações até €50.000, efetivando-o antes do decurso do prazo de 30 dias previsto na Apólice;
  • Isenção dos custos de todas as comunicações de prorrogação efetuadas via COSECnet;
  • Não serão objeto da aplicação de penalidade as Comunicações de Ameaça de sinistro que sejam apresentadas com atraso não superior a 30 dias;
  • Prorrogação do prazo limite para apresentação da participação de sinistros;
  • Prorrogação por 30 dias do prazo para a apresentação das declarações de vendas;
  • Flexibilização de alguns procedimentos, aceitando-se documentos enviados por via eletrónica (comprovativos de entrega de bens e avisos de pagamento de indemnização) para efeitos do seguro – os documentos originais, assinados, deverão ficar na posse das empresas e a COSEC poderá, posteriormente, vir a solicitar a sua apresentação.

Adicionalmente estão a ser identificadas as ações de risco mais apropriadas para aumentar o nível de proteção dos segurados nas suas decisões de crédito. Independentemente destas medidas importa que as empresas ajam preventivamente junto dos seus clientes e que revejam os termos da suas apólices, para evitar eventuais agravamentos de risco.

Deve ser prestada especial atenção ao dever de cuidado e prudência que exige, entre outras precauções, que as empresas contactem os seus clientes, sempre que possível, para avaliar a sua situação antes de prosseguir com a entrega de bens.

Conheça aqui, em detalhe, todas as medidas adotadas pela COSEC para apoiar as empresas e a resposta a questões relativas à gestão da apólice no atual contexto.

Covid-19 | Medidas COSEC para apoiar a tesouraria das empresas

Lisboa, 20 de março de 2020 –  A COSEC está a acompanhar de perto a evolução da situação económica nacional e mundial originada pelo Coronavírus Covid-19, tendo decidido adotar um conjunto de medidas extraordinárias para apoiar a tesouraria das empresas e assegurar o bom funcionamento do seguro. Estas medidas serão aplicadas até ao final do mês de abril, podendo ser prorrogadas:

  • Antecipação do pagamento de indemnizações até €50.000, efetivando-o antes do decurso do prazo de 30 dias previsto na Apólice;
  • Isenção dos custos de todas as comunicações de prorrogação efetuadas via COSECnet;
  • Não serão objeto da aplicação de penalidade as Comunicações de Ameaça de sinistro que sejam apresentadas com atraso não superior a 30 dias;
  • Prorrogação do prazo limite para apresentação da participação de sinistros;
  • Prorrogação por 30 dias do prazo para a apresentação das declarações de vendas;
  • Flexibilização de alguns procedimentos, aceitando-se documentos enviados por via eletrónica (comprovativos de entrega de bens e avisos de pagamento de indemnização) para efeitos do seguro – os documentos originais, assinados, deverão ficar na posse das empresas e a COSEC poderá, posteriormente, vir a solicitar a sua apresentação.

Adicionalmente estão a ser identificadas as ações de risco mais apropriadas para aumentar o nível de proteção dos segurados nas suas decisões de crédito. Independentemente destas medidas importa que as empresas ajam preventivamente junto dos seus clientes e que revejam os termos da suas apólices, para evitar eventuais agravamentos de risco.

Deve ser prestada especial atenção ao dever de cuidado e prudência que exige, entre outras precauções, que as empresas contactem os seus clientes, sempre que possível, para avaliar a sua situação antes de prosseguir com a entrega de bens.

Conheça aqui, em detalhe, todas as medidas adotadas pela COSEC para apoiar as empresas e a resposta a questões relativas à gestão da apólice no atual contexto.